Assim como já era de se esperar, a Activision Blizzard não mede esforços para ampliar seus negócios para o esports, mobile e jogos free to play durante a transição da empresa.

A liga de Call of Duty City Based vende as cinco primeiras equipes de funcionários da franquia para inúmeras iniciativas móveis.

A Activision Blizzard parece estar investindo pesado em jogos para dispositivos móveis

Durante os resultados financeiros da Activision Blizzard no primeiro trimestre de 2019 com investidores, o CEO Bobby Kotick e o presidente e COO Coddy Johnson fizeram um esboço do progresso da empresa em seu plano para ajustar seu foco. seguindo um ano de vendas recordes e o desligamento de aproximadamente 800 funcionários.

O plano da empresa, anunciado em fevereiro, era para 2019 um “ano de transição” para a empresa com menos lançamentos importantes (e sem grandes lançamentos do segmento Blizzard, que já está arcando com o impacto das quedas nas receitas em relação ao mesmo período do ano anterior).

Durante a chamada de hoje, os executivos reiteraram que a empresa estaria procurando reforçar suas “franquias comprovadas”, ao mesmo tempo em que acrescentou que um foco mais forte em títulos de e-sports, mobile e free-to-play estava nos planos das equipes de desenvolvimento.

É inegável que Hearthstone: Heroes of Warcraft, o jogo de cartas da Blizzard fez muito sucesso tanto nos computadores quanto nos dispositivos móveis.

Para esports, Kotick revelou que a Activision vendeu as cinco primeiras equipes de franquias da cidade para a sua próxima Call of Duty League, todas as cinco para cidades que já hospedam equipes da Overwatch League.

As cidades e os proprietários são os seguintes:

  • Atlanta – Atlanta Esports Ventures
  • Dallas – Team Envy
  • New York – Sterling.VC
  • Paris – cOntact Gaming
  • Toronto – OverActive Media

O diretor financeiro da Activision Blizzard, Dennis Durkin, observou que a empresa não espera obter nenhuma receita significativa das vendas da equipe do esports em 2019. Durkin disse o mesmo sobre as novas iniciativas mobile, embora a Activision Blizzard pareça estar investindo pesadamente nelas como parte de seu plano de reposicionamento, tanto em termos de investimento quanto de pessoal.

Além do plano anteriormente anunciado da empresa de aumentar o número de funcionários de grandes franquias como Call of Duty, Candy Crush, Warcraft, Hearthstone, Diablo e Overwatch em 20% em 2019, a empresa também está trabalhando em iniciativas mobile e analisando de perto modelos free-to-play para plataformas móveis e outras.

Anúncio de Diablo Immortal na Blizzcon de 2018. A notícia que enfureceu os fãs de Diablo no PC por se tratar de um jogo exclusivo para dispositivos móveis

Johnson disse que a Activision Blizzard está olhando cada vez mais para os títulos de dispositivos mobile de várias maneiras, desde extensões de seus jogos de console até jogos completos e independentes, passando por títulos entre plataformas e re-imaginações móveis. Um desses jogos para celular que já foi revelado, o Call of Duty Mobile, será lançado na América do Norte, América do Sul e Europa ainda este ano. O jogo será revelado no fim do mês de junho de 2019.