Spunk and Moxie – Review

Depois de sair em dispositivos móveis há alguns anos, Spunk e Moxie tem sua portabilidade para PC. Isto certamente não será a última de uma longa linha de produtos na esperança de atrair um público mais amplo. A pergunta que devemos nos fazer é o seguinte: este jogo é capaz de se destacar entre a concorrência?

História

O jogo permite que você jogue como Spunk ou Moxie, uma bola verde gosma e uma bola de gosma rosa, respectivamente. Ambos em busca de sua fuga de uma fábrica, desde o tubo de ensaio até a liberdade. Dito isto, não há diferença no estilo de jogo por parte do personagem a não ser  a aparência, mas é bom ter a opção.

Como você pode ver, há uma história real, embora extremamente simples, mas como o foco do jogo é a jogabilidade, então, podemos dar uma colher de chá.

Jogabilidade

O sistema de controle é muito simples você só pode saltar com um botão, sendo que quanto mais manter pressionado o botão, mais alto você vai saltar e pressiona-lo novamente quando você está no ar fará com que de uma espécie de segundo pulo.

É vital para memorizar a altura corresponde ao tipo de pressão, a fim de passar os níveis o mais rápido possível e coletando o máximo de itens possíveis tudo isso antes do tempo (ou carga de gosma, no caso) acabar. Você pode notar imediatamente pela forma simplista do jogo que ele não foi originalmente desenvolvido, nem adaptado para ser jogado no PC, mas em smartphones e tablets apesar disso os comandos funcionam bem e o tempo de resposta não é prejudicado.

Mas essa simplicidade pode ser visto como uma vantagem já que o jogo se torna realmente acessível a todos, mas ao mesmo tempo o limita pelo fato de que é quase impossível ter o controle em certas situações tal como: controlar a direção e a velocidade normalmente, subir ou descer por buracos estreitos (o personagem fica indo e vindo muito rápido de um lado para o outro) muitas vezes caindo para o lado errado e nos encontramos forçados a ir a uma direção que não queremos. Ao longo dos mais de 30 níveis, também vamos encontrar vários power-ups que serão essenciais para superar certas áreas e avançar para o próximo level.

Isso é compensado por ele exigir uma precisão quase cirúrgica: na verdade, se você calcular o mal a altura até mesmo por apenas para um pixel, não consegue saltar os obstáculos e terá que arrumar um jeito de retornar ao caminho certo. O jogo não admitir erros e é quase frustrante ficar preso ao não ser capaz de atingir a altura certa e só depois de perceber a pressão feita foi errada depois de muitas tentativas, ou, mais provavelmente, por um mero acaso de ter pulado antes ou depois do ponto.

Os níveis são muito curtos e pode ser concluída em questão de minutos, enquanto o jogo inteiro pode ser terminado em menos de duas horas, então não há nem mesmo uma longa vida útil que pode justificar a compra, isso claro se você conseguir passar por todos tão rápido (ou se sequer conseguir termina-los). Os desenvolvedores tinham clara consciência deste limite, razão pela qual eles inseriram objetos colecionáveis ​​espalhados pelos níveis e vários desafios a serem superados, conseguindo assim acesso a novas skins para os personagens.

Graficos e som

O estilo de desenho animado fecha bem com o jogo, o som também é típico desse estilo, acelerado e animado ao mesmo tempo.

Talvez o único problema seja que as fases sempre se passam na fábrica, o que dá um tom meio cinza e sério contrastando com o estilo e ritmo alegre, seria interessante ter fases de estilo gráfico mais animado, como pátios, lanchonetes etc.

Conclusão

No geral, Spunk and Moxie pode ser um pouco exigente demais e desequilibrado para alguns, mas isso não quer dizer que não possa ser uma experiência de bastante agradável se você gosta de jogos no estilo Super Meat Boy e plataformas em geral. O estilo de desenho animado é maravilhoso, e há um bom valor de repetição em todos os desafios de bônus, dependendo de sua habilidade e paciência.

Agora se você não tiver paciência ou se frustra muito fácilmente e ainda assim é o tipo de pessoa que faz questão de ter 100% do jogo completo talvez não seja seu tipo de jogo, caso contrário ele é bem divertido e tem um ritmo rápido agradável.

[rwp-review id=”0″]

Fernando Salgado

Fernando Salgado

A vida é curta demais para viver apenas uma.

Você pode gostar...