2016 vai ficar marcado na história dos jogos pelos grandes lançamentos, inclusive aqueles que ficaram “no forno” durante muito tempo. Para os fãs que aguardavam ansiosos, a sorte existe ou as produtoras perceberam que estava mesmo em tempo de acabar com as expectativas e investir nas finalizações. Entre eles “Final Fantasy XV” e “The Last Guardian”, os mais aguardados dos últimos tempos, chegam aos consoles neste final de ano.

Final Fantasy XV

j

O game mais esperado na última década teve seu lançamento oficial em 29 de novembro. Desenvolvido pela Square Enix, o RPG tem versões para Xbox One e PlayStation, com legenda e menu em português. A produtora japonesa dedicou 10 anos ao desenvolvimento do jogo que finalmente chega aos consoles.

A trajetória do game começou em 2006 com o nome de Final Fantasy Versus XIII, para o PlayStation 3. Em 2013, durante a conferência da Sony na E3 (principal feira do mercado de games), a Square Enix anunciou o novo nome e a mudança de plataforma PS4 e Xbox One.

Mas os fãs da série já sabem o que esperar da saga. O game vem fazendo sucesso desde o lançamento, em 1987. Final Fantasy VII, VII e IX, para o PS1; X e XII, para PS2; e XIII e XIV para PS3 estão entre os melhores do mundo para as respectivas plataformas. Sem dúvida Final Fantasy XV vai fazer jús à espectativa para PS4.

The Last Guardian

the-last-guardian-screen-01-us-15jun15

O game da Sony foi um dos títulos que gerou maior expectativa e tensão entre os fãs com a possibilidade de ser cancelado. Mas por sorte, o designer Fumito Ueda (ICO e Shadow of the Colossus) anunciou seu lançamento para início de dezembro, para o PlayStation 4.

Desde 2007 The Last Guardian está em desenvolvimento, inclusive era previsto para o PlayStation 3, com lançamento anunciado na E3 2009. Nos eventos seguintes da feira não se ouviu mais falar no projeto. Sabe-se que problemas como a saída de Ueda da Sony atrasaram a finalização. Apenas em 2015 foi anunciado o lançamento para PlayStation 4.

O próprio diretor Fumito Ueda teve a ideia de anexar uma carta aos usuários (via Eurogamer) contando sobre os personagens principais e prometendo um “final imperdível” para o jogo. Ele termina com a frase: “A equipe de desenvolvimento e eu esperamos que todos vocês tenham ótimos momentos com The Last Guardian. Nada poderia nos deixar mais felizes.”