Overwatch: benefício da dúvida nas escolhas

overwatch-doubt-banenr Se você já jogou Overwatch alguma vez na sua vida, com certeza já foi o alvo ou viu alguém sendo alvo do preconceito referente a um determinado personagem que seja “difícil de jogar” ou que esteja fora do meta (principais personagens utilizados pelos jogadores de níveis mais altos). Mas até onde isso está certo e errado?

Na minha opinião, acho correto o time negociar entre si trocas de papéis (alternar para um tank ou curandeiro ou ofensivo/defensivo) e é valido você ter suas ressalvas quanto a um determinado personagem e a chance de ser um jogador que não vá ser tão bom com ele, mas isso não dá o direito de você impor a troca.

overwatch-teamwork

O que eu costumo fazer é sempre perguntar se aquele jogador consegue jogar bem com aquele personagem e tentar me ajustar para fazer o time funcionar o melhor possível com ele, quer ele jogue bem ou não, é trabalho do time como um todo tentar ser o melhor possível.

Se, no meio da partida, você notar que talvez aquele jogador não esteja fazendo um serviço tão bom, aí sim você tenta renegociar, de repente, aquele Genji até faz um trabalho decente matando os curandeiros, mas tem um Winston do outro lado que não o deixa trabalhar, talvez outra pessoa poderia trocar para Reaper e ajudá-lo ou um curandeiro ir para Zenyatta e deixar o orb nele, ou outra pessoa focar nos curandeiros enquanto ele desvia a atenção do Winston que os guarda tão bem…

overwatch-protection

As possibilidades são muitas, mas um fato não muda se aquele jogador não aparenta querer mudar, talvez seja melhor as pessoas com mais jogo de cintura (e bom senso) o façam e tentem vencer a partida, afinal dois erros não fazem um acerto, e de repente com o suporte certo, aquele Torbjörn que não usa torre (por que ela é destruída instantaneamente e ninguém vê, nem ele avisou) ao ter um Reinhardt ou D.Va protegendo a montagem da torre, conseguiria a vitória do time.

Enfim eu venho tentando me policiar quanto a isso, mudar o modo de pensar nem sempre é uma coisa fácil, e tudo é um processo lento. Mas o objetivo no final é ser um jogador melhor para a equipe, tentar superar trolls no próprio time e trabalhar ao redor disso, mas acima de tudo se divertir.

Nunca se sabe, de repente o cara que você tanto descrimina por estar com aquele personagem pode ser como esse aqui com ele:

https://www.youtube.com/watch?v=kR3HFEeC3_E

Fonte: Canal do Dunkey (videogamedunkey)

Fernando Salgado

Fernando Salgado

A vida é curta demais para viver apenas uma.

Você pode gostar...